Imprimir

7 alimentos que seu animal não deve comer

Já falamos aqui em post anterior sobre os perigos do chocolate para os animais. Agora, trazemos uma lista mais completa de alimentos que não devem ser ingeridos pelos bichanos. Sabemos que é tentador agradá-los com um pedacinho daquilo que comemos e para nós é tão gostoso e saudável. Mas, é preciso ficar atento aos alimentos que você vai oferecer nessas exceções. Seguir uma alimentação saudável e adequada, no entanto, continua sendo o mais indicado. Na lista que segue estão os alimentos da lista, aqueles que não se deve oferecer ao animal de forma alguma. Confira.

1. Uvas e uvas passas
(e alimentos cítricos em geral, como abacaxi ou tomates)

Estes alimentos são proibidos porque afetam negativamente os rins dos animais, particularmente dos gatos, que tem uma forte tendência a uma sensibilidade elevada deste órgão, mas os cães também podem ser prejudicados, então os mantenha afastados deste tipo de alimento. Se ingeridos, estejam atentos aos seguintes sinais: letargia, sede e urina excessivas e vômito.

2. Abacate

Contém uma toxina chamada persin, o abacate causa danos ao coração se ingerido por cães e gatos. Os sinais de alerta resumam-se apenas a diarreia e vômitos.

3. Nozes de macadâmia

Afetam o sistema nervoso e muscular, causando um aumento da temperatura corporal, tremores, fraqueza, letargia e vômitos.

4. Alho e cebola

Extremamente prejudiciais se forem ingeridos por um cão ou um cão. O alho e a cebola causam danos graves aos glóbulos vermelhos dos bichanos, o que pode implicar em anemia, fraqueza, vômitos e urina com sangue.

5. Bebidas alcoólicas

Por mais que seja dispensável a explicação, nenhum cão, gato ou qualquer outro animal de estimação deve estar exposto a bebidas alcoólicas, uma vez que o seu consumo provoca danos irreversíveis ao sistema nervoso, com sintomas como: desorientação, letargia, falta de coordenação motora, diarreia, vômitos, dificuldades respiratórias, tremores, convulsões e até estados de coma.

6. Café e chá

No fundo, qualquer bebida/alimento que contenha cafeína pode ser fatal para um gato ou um cão. A intoxicação por cafeína pode manifestar-se através dos seguintes sintomas, quase todos irreversíveis: agitação, tremores, convulsões, respiração ofegante e palpitações cardíacas.

7. Laticínios 

Pode parecer estranho, mas o que acontece com este alimento – começando pelo leite de vaca e passando por todos os outros produtos derivados do leite – é que muitos bichos são intolerantes à lactose. Se ingerido, o animal pode apresentar vômitos e diarreia.

 

 *Voando Por Aí em A Nossa Vida

{lang: 'pt-BR'}

Deixar uma resposta

-->